Mamoplastia de aumento e escolha do cirurgião

Não é todos os dias que se escolhe efectuar uma cirurgia e muito menos uma mamoplastia de aumento. Como tal, deve ponderar muito bem a escolha que faz no que diz respeito ao cirurgião plástico e estético e à clinica onde irá efectuar a sua cirurgia. Deve escolher um médico que sinta que pode confiar e não se deixar envolver em factores paralelos.

É extremamente importante que tenha em consideração os seguintes fatores:

  • Educação, formação e certificação do cirurgião;
  • Experiência na realização do procedimento cirúrgico que pretende realizar;
  • O seu nível de conforto com ele/ela.
  • Depois de encontrar um cirurgião plástico certificado e com experiência deverá marcar uma consulta.

Geralmente, devido à natureza aprofundada desta consulta, em que são analisados todos os aspetos pré e pós cirúrgicos esta tem um custo associado e desconfie se assim não for. Durante a sua primeira consulta terá a oportunidade de explicar ao cirurgião os seus objetivos. Ele irá, então, avaliá-la enquanto candidata para a cirurgia e clarificar o que a mamoplastia de aumento pode fazer por si. Deve ir preparada para falar sobre todo o seu historial médico, que inclui informação sobre:

  •   Cirurgias anteriores;
  •   Problemas de saúde passados e presentes;
  •   Alergias e medicações que esteja a tomar;
  •   Tratamentos médicos ou cirurgias que já tenha realizado;
  •   Historial médico importante de familiares;
  •   Exames médicos atuais (mamografia, análises clínicas).
  • O seu cirurgião irá examinar, medir e fotografar as suas mamas para juntar ao seu processo clinico.

 

Para a cirurgia ele irá ter sempre em consideração:

  • O tamanho e a forma atuais das suas mamas
  • O tamanho e a forma que você deseja ter;
  • A qualidade e a quantidade de tecido mamário;
  • A qualidade da sua pele;
  • A localização dos seus mamilos e tamanho das aréolas.

Se as suas mamas têm alguma flacidez, pode-lhe ser recomendada uma mastopexia (levantamento da mama) juntamente com o aumento mamário. Diga também ao seu cirurgião plástico caso pretenda perder peso. Ele poderá recomendar-lhe que estabilize o seu peso antes de se submeter à cirurgia.

Se pensa em engravidar no futuro, fale também sobre isso com o cirurgião. A gravidez pode alterar o tamanho e a forma das suas mamas de uma maneira imprevisível e pode afetar a longo prazo os resultados do seu aumento mamário.

Os implantes mamários não têm qualquer tipo de influência comprovada na gravidez ou na capacidade de amamentação, mas se tiver quaisquer questões sobre este assunto deve colocá-las ao seu cirurgião.

A realização de qualquer tipo de cirurgia estética deve ser efectuada por um especialista cirurgião plástico e estético reconhecido, com alguns anos de prática, membro da Sociedade de Cirurgia Plástica, Reconstrutiva e Estética e da Ordem dos Médicos do  respectivo país, pois, tal como é de conhecimento geral, na actualidade, infelizmente, existem médicos gerais, médicos “estéticos”, médicos especialistas de outros áreas como ginecologistas, cirurgiões gerais, otorrinolaringologistas e outros que se aventuram no mundo das cirurgias plásticas e estéticas.

Não fique com dúvidas e antes de se decidir em fazer qualquer cirurgia estética poderá consultar o site da Ordem dos Médicos  e da Sociedade Portuguesa de Cirurgia Plástica, Reconstrutiva e Estética e verificar se o médico que escolheu tem as competências adequadas.

Mas onde posso fazer um aumento mamário? Basta deslocar-se à Clínica Faccia em Lisboa, ou ligar para o número de telefone 213 714 116. Para mais informações sobre aumento mamário visite o nosso site www.faccia.pt.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *